Buracos e rede de esgoto precária em bairro de São Sebastião

Moradores reclamam que canos da rede de esgoto estão sempre com problemas, quando conserta um, estoura outro. Os buracos também trazem transtornos à população.

Morador da rua 45 do bairro Vila Nova, em São Sebastião, o corretor de imóveis Francisco Edson reclama dos buracos no asfalto, que já duram mais de um ano.
“Já liguei para o 156, opção 5, seis vezes e ninguém toma uma atitude. Fui na Secretária de Obras de São Sebastião e ninguém faz nada: falam que está faltando asfalto, mas ninguém resolve nada, ninguém resolve o problema. A minha sorte é que tapei os buracos com resto de entulho, senão estaria uma precariedade. Quando chove, fica tudo com poça de água, e é arriscado pegar dengue e outras doenças. Também acumula lixo”, destaca Francisco.
A Redação Móvel passou passeou nesta sexta-feira, dia 28, por outras ruas do bairro Vila Nova e encontrou o mesmo tipo de problema. Já na rua 27, o esgoto preocupa os moradores. Desde ontem o bueiro está vazando. Os moradores contam que chamaram a Caesb, mas nada foi feito. O cheiro forte toma conta da rua. Os moradores contam que isto ocorre com frequência. Basta consertar um cano para estourar outro.

“É sempre assim, quando não é uma rua, é outra. Eles vêm e vão e desde ontem que [esse cano] está estourado”, conta a dona de casa Maria Paixão. “Ninguém resolve. A gente liga para a administração para mandar alguém ver isso aqui, mas fica assim”, afirma a dona de casa Antônia Santana. Na rua 12, a mesma situação. Os moradores contaram que esta semana um bueiro da parte de cima da rua estava estourado. Ele foi consertado e agora outro está vazando. “É sempre assim, a rua está péssima”, avalia uma moradora. 

A Caesb informou que vai limpar os bueiros e das caixas de gordura hoje para desentupi-los. Já em relação aos buracos, a administração de São Sebastião disse que vai tapar os buracos depois de renovar o contrato com a empresa que faz o serviço. De imediato, se comprometeu a fechar os buracos da rua 45, onde mora o Francisco Edson.

Vila Buritis:  

Nesta semana, a Redação Móvel mostrou a reclamação dos moradores da Vila Buritis, em Planaltina, contra a cobrança indevida de IPTU. O imposto dobrou em relação ao ano passado. O GDF reconheceu que houve erro e prometeu enviar novos boletos, que até ontem não tinham chegado. De acordo com a Secretaria de Fazenda, o prazo para vencimento da primeira cota ou cota única foi prorrogado para 5 de julho. O imposto será cobrado como se os imóveis estivessem em um assentamento popular, já que a área ainda não foi regularizada. O secretário adjunto, Adriano Sanches, garante que ninguém vai ficar no prejuízo.

Vejam a reportagem:

Tecnologia do Blogger.