São Sebastião é uma cidade rica em história.

São Sebastião, região administrativa do Distrito Federal a 26 quilômetros de Brasília, ganhou seu nome em homenagem aos vários  "Sebastiões" que ajudaram na sua fundação, no final da década de 50.

Para trabalhar nas olarias da cidade, onde eram feitos os tijolos usados na construção da capital, chegaram trabalhadores de todas as partes do país. O pioneiro Sebastião Azevedo Rodrigues, mineiro de Patos de Minas, chegou ao local em 20 de maio de 1959, junto com outros 26 trabalhadores. Destes, outros seis também se chamavam Sebastião.

"Para diferenciar, cada um que ia fazer um trabalho levava um apelido", conta Sebastião Azevedo Rodrigues. Ele ficou conhecido com "Tião areia", mas ainda havia, segundo ele, "Tião da lenha" e "Tião do barro".

Uma votação para batizar o lugar chegou a acontecer. Mas, entre nomes como  Eucaliptol e Sombra da Serra, acabou prevalecendo a  ideia de homenagear os fundadores. E  foi por esse motivo que a cidade ganhou o nome de São Sebastião.

A tradição do nome segue. Hoje, é possível encontrar o "Tião da biblioteca", "da borracharia", o "da feira". O "Tião areia", além de inspirar o nome da cidade, foi homenageado pela administração, e virou nome de praça em São Sebastião.




Tecnologia do Blogger.