Operação derruba seis edificações em São Sebastião


Operações do Comitê de Combate ao Uso Irregular do Solo tiveram o saldo de seis edificações removidas, junto a 900 metros lineares de cerca e 10  bases para construção. As ações ocorreram nesta quarta-feira (23/5) no bairro Morro da Cruz, em São Sebastião, e no Setor Habitacional Sol Nascente, em Ceilândia. As construções estavam em área pública sem autorização.

Em cada local, a fiscalização percorreu quatro chácaras. Em Sol Nascente, na Chácara 117, foram removidos três edificações – duas em alvenaria e uma em madeira -, duas bases e 30 metros lineares de cerca. Na Chácara 89, mais uma edificação foi retirada, além de uma base e 50 metros lineares de cerca. Na Chácara 128 foi desconstituído um alicerce de madeira e, na Chácara 08, uma base. Todos os pontos haviam sido vistoriados nessa terça-feira (2/52) e no início da manhã desta quarta-feira.

Já em São Sebastião, a equipe atuou no setor Morro da Cruz. No primeiro local, a Chácara 05, foram retirados uma edificação em alvenaria, 320 metros lineares de cerca e duas bases. Uma fossa e duas cisternas ainda acabaram inutilizadas. Na Chácara Jandaia a fiscalização retirou uma base e 200 metros lineares de muro, além de entupir cinco fossas. Na Chácara 25B foram mais 300 metros lineares de cerca, três bases e uma fossa. Outra edificação foi removida na Chácara 08. As irregularidades foram identificadas por meio de levantamento realizado na semana passada.

Participaram, ao todo, 140 servidores da Secretaria da Ordem Pública e Social (Seops), Agência de Fiscalização (Agefis), Polícia Militar, Corpo de Bombeiros, Serviço de Limpeza Urbana (SLU), Companhia Energética de Brasília (CEB), Companhia Imobiliária de Brasília (Terracap) e Companhia de Saneamento Ambiental (Caesb).

Tecnologia do Blogger.