Agência do BB/São Sebastião no DF é interditada por falta de condições de trabalho


O Sindicato dos Bancários de Brasília e a Federação dos Trabalhadores em Empresas de Crédito do Centro Norte (Fetec-CUT/CN) participaram de vistoria técnica, nesta terça-feira (5), na agência Banco do Brasil da região administrativa de São Sebastião. O local estava com o ar condicionado quebrado há uma semana, o que gerou grande transtorno aos trabalhadores e motivou, portanto, a visita das entidades. O problema foi resolvido após a chegada do Sindicato e da Fetec-CUT/CN.
Outro problema constatado pelas entidades sindicais foi o déficit de caixas para atender os clientes e usuários da agência. Numa região administrativa que possui cerca de 200 mil habitantes apenas um caixa faz esse serviço. Após a visita do Sindicato e da Fetec-CUT/CN, o BB colocou mais um caixa para trabalhar naquele dia. 
Em relação ao caixa, a pressão do trabalho é tanta na agência que o funcionário do BB chegou a registrar ocorrência na 30ª Delegacia de Polícia por ameaça de morte. Segundo o documento, um cliente cobrava atendimento numa fila preferencial que não existe. Além disso, o cliente não se encaixava nos critérios previstos em lei para atendimento preferencial.
"A condição do local estava completamente insalubre e o Sindicato e a Fetec-CUT/CN permaneceram no local até a resolução dos problemas. Vale lembrar que estamos reivindicando melhores condições de trabalhado e um atendimento de qualidade à população", afirmou o diretor da Fetec-CUT/CN Alexandre Stilben, que também é bancário do BB. Ele disse ainda que as entidades sindicais vão responsabilizar o banco caso haja qualquer dano físico ao caixa ameaçado.
Fonte: http://www.feteccn.com.br/index.php?option=com_content&view=article&id=13638:06082014-agencia-do-bbsao-sebastiao-no-df-e-interditada-por-falta-de-condicoes-de-trabalho&catid=34:outros-destaques
Tecnologia do Blogger.