DF reforma via (df-035) que liga Lago Sul ao Jardim Botânico e São Sebastião

Trecho da DF-035 que passará por restauração

O governo do Distrito Federal deu início nesta quarta-feira (6) à obra de restauração da DF-035 (Estrada Parque Cabeça de Veado), que liga ao Lago Sul às regiões do Jardim Botânico, de São Sebastião e do Jardins Mangueiral. A verba prevista para a obra é de R$ 3,7 bilhões, de um financiamento feito junto ao Banco do Brasil.

A estimativa das associações de moradores desses locais é que cerca de 400 mil pessoas sejam diretamente beneficiadas. O serviço deve demorar 180 dias e engloba ações de pavimentação, sinalização horizontal e criação de ciclofaixa em um trecho de quatro quilômetros entre a DF-025 (Estrada Parque Dom Bosco) e o entroncamento com a DF-001 (Estrada Parque Contorno).
Uma rotatória também será colocada ao longo da via. Neste caso, no entanto, de acordo com o GDF, os equipamentos e os insumos são exclusivamente do DER.

No final de abril o governo também retomou as obras para pavimentação de 3,8 quilômetros da Rodovia Vicinal 533 – pista que liga Brazlândia a Águas Lindas, no Entorno. A medida aconteceu com um ano de atraso em relação ao prazo inicial para conclusão e 24% mais caras do que o anunciado. De acordo com o Executivo, o serviço foi orçado em R$ 5,4 milhões. Um aditivo publicado no Diário Oficial, no entanto, aumentou o investimento em R$ 1,3 milhão para incluir "condicionantes ambientais".

O DER informou que na época da assinatura do contrato, em novembro de 2013, não se considerou que a pista está em área de preservação ambiental e de passagem de animais. A previsão era de que a intervenção acabasse em até 150 dias. O GDF declarou, porém, que a pavimentação só começou em setembro do ano passado e foi interrompida três meses depois por falta de verba. Foram concluídos 30% do asfalto no período.

A vicinal 533 liga a ponte do Rio Descoberto, no setor rural Padre Lúcio, em Águas Lindas de Goiás (GO), à BR-080, em Brazlândia. A expectativa é que a pavimentação deste trecho facilite o escoamento da produção agrícola dos chacareiros, torne o trajeto mais rápido e seguro para os motoristas e melhore o tráfego de ônibus escolares que transportam as crianças do setor rural para Brazlândia.

Outras obras:
 O governo do Distrito Federal anunciou no início do mês de abril que iniciaria obras de pavimentação, sinalização e duplicação de rodovias distritais em seis regiões administrativas. O investimento tem custo de R$ 34 milhões e está sob responsabilidade do DER.
As regiões são Jardim Botânico, Lago Sul, São Sebastião, Planaltina, Gama e Brazlândia. A previsão é que as obras terminem 180 dias após iniciadas. Segundo o Executivo, o recurso veio do empréstimo de R$ 500 milhões feito pelo governo junto ao Banco do Brasil em 29 de janeiro, com destinação exclusiva para obras de mobilidade e de infraestrutura.

No Lago Sul e Jardim Botânico está prevista a restauração de quatro quilômetros da DF-035, que liga a DF-025 à DF-001, além de serviços de sinalização horizontal. O investimento total previsto na região é de R$ 4,2 milhões.

A DF-463, que liga São Sebastião à DF-001, terá a duplicação retomada. Os 3,9 quilômetros, em obra ao custo de R$ 6,7 milhões, também passarão pela adequação dos acessos ao Jardins Mangueiral e ao Jardim Botânico III.

Na região de Planaltina, será pavimentado o trecho da DF-131 que liga as rodovias DF-205 à DF-128. As obras previstas englobam serviços de terraplenagem, pavimentação, drenagem e sinalização, além de serviços complementares e de recuperação do meio ambiente, com valor previsto de R$ 11,6 milhões.

No Gama, está prevista a construção da marginal da DF-480, no trecho entre a DF-001, próximo à entrada da região e à Universidade de Brasília. Os R$ 6,1 milhões previstos incluem serviços de terraplenagem, pavimentação, drenagem, sinalização, obras complementares e de recuperação do meio ambiente.
A sexta obra é a pavimentação da Rodovia Vicinal 533, entre Brazlândia e Águas Lindas.

Fonte; G1/DF
Tecnologia do Blogger.