Duplicação dA rodovia DF-463 e ampliação do balão da ESAF beneficiará mais de 44 mil motoristas


Intervenções em pistas que levam ao Jardim Botânico, ao Jardins Mangueiral e a São Sebastião vão melhorar o fluxo de veículos.
Duas obras de mobilidade vão melhorar a fluidez no trânsito para os mais de 44 mil motoristas que passam diariamente pelo Jardim Botânico, pelo Jardins Mangueiral e por São Sebastião. As intervenções são relevantes para as três regiões, pois, além de reduzir os engarrafamentos constantes, contribuirão para diminuir o número de acidentes.
A duplicação dos 3,9 quilômetros da DF-463 representará menos riscos aos condutores. Por ser uma pista de mão dupla, batidas frontais são comuns. Nos últimos quatro anos, de acordo com o Departamento de Estradas de Rodagem (DER), 11 pessoas morreram em acidentes na rodovia. Principal saída de quem reside no Jardins Mangueiral e em São Sebastião, a pista — quando ampliada — também desafogará o tráfego, principalmente nos horários de pico. Máquinas e homens trabalham intensamente para entregar o empreendimento de R$ 6,7 milhões até outubro. Até agora, 30% das obras foram executadas.
Interferência também no Jardim Botânico, onde o governo amplia de duas para três o número de faixas do balão da Esaf. Paralelamente, uma pista foi aberta a fim de desafogar o tráfego para os condutores que saem de condomínios como Jardins do Lago, Solar Brasília e Belvedere Green. O balão da Esaf é o entroncamento da DF-035 com a DF-001.
O alargamento da rotatória é feito com a restauração do asfalto dos 4 quilômetros da DF-035, que vai até a QI 23 do Lago Sul. O complexo de melhorias tem custo estimado em R$ 3,6 milhões. A substituição no pavimento da rodovia já foi terminada. Agora, os operários trabalham para finalizar a colocação de meios-fios e a sinalização horizontal.
Reinvindicação antiga
O diretor-geral do DER, Henrique Luduvice, diz que as obras atendem a uma antiga reinvindicação dos moradores das três regiões. “São intervenções em pontos críticos que criarão melhores condições de tráfego, além de oferecer uma maior segurança viária”, afirma.

Luduvice ainda reforçou que as mudanças na DF-033 não melhoram apenas a vida dos motoristas, mas a dos usuários de transporte público. “Estamos criando baias para coletivos, o que vai assegurar o embarque e desembarque sem riscos dos passageiros de ônibus.”

Fonte:Agência Brasilia
Tecnologia do Blogger.